quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

O Pescador, o Anel, e o Rei -criando novos recursos...

Como sempre as crianças ficaram curiosas para saber como eu iria trazer esta estória.Com recicláveis ? Imagens ? Bonecos ? Meias..? Com o quê ?Também me fiz esta pergunta pois estou tentando desafiar a imaginação deles, e...a minha !Fiquei pensando, e pensando numa forma nova de apresentá-la, mantendo acesos o entusiasmo e a curiosidade criativa, e por fim veio-me a idéia de selecionar objetos, acessórios e até partes de fantasias para representar cada um dos personagens.
Teriam que ser extremamente simples e de uso corriqueiro, destes que o contador apronta e encontra facilmente, até mesmo junto com as crianças...

"Procurao" com o auxílio das crianças - entre os brinquedos e objetos da sala- os elementos para enriquecer as nossas histórias,as produçoes de textos e como funciona !!!
As crianças precisam e gostam de participar de TUDO, principalmente quando é algo que lhes diz respeito. E é incrível como oferecem sugestões e resolvem problemas de forma tão simples,interessante e criativa ..!
Acredito numa prática pedagógica menos diretiva ( e autoritária) que certamente nos oferece (aos educadores) OPORTUNIDADES IMPERDÍVEIS de crescimento, partilha e aprendizagem com estes seres tão pequenos, mas tão abertos, confiantes, destemidos e criativos que são os nossos educandos.

Precisamos ganhar coragem e confiança para permitir que isto aconteça, e nos permitir maravilharmos diante de suas valiosas contribuições.
Foi estudando e refletindo sobre a estória - sobre o que cada um dos personagens representava que optei por estes elementos :
O pescador -com sua confiança, trabalho e alegria poderia ser reprsentado por um grande e lindo peixe...
Sua mulher - pessoa simples, ingênua, mas boa cozinheira, por uma colher de pau !
O mercador - criado do rei , sem grandes escrúpulos- por um saco de dinheiro.
O rei - vaidoso, ambicioso, poderoso, e sem muitas qualidades morais por uma coroa, mas não uma coroa de ouro. Uma coroa sem enfeites ou pedras preciosas, e de prata.
O anel foi incluído por ser um elemento importante e decisivo na estória.
Os peixinhos da foto, só enriqueceram a parte da estória que fala sobre boa pescaria realizada - 50 peixes ! antes do jantar de despedida.


Na próxima postagem colocarei alguns "momentos da contação" desta estória que acredito sejam bem significativos, e expressivos. Aguardem !
Não se esqueçam de deixar um comentário ou -se preferirem- uma mensagem no mural !Com carinho
.Carmem Lucia

Um comentário:

  1. Cara Bia Bedran, trabalhar este conto é fantástico, foi parte principal do meu projeto de Mestrado em Ciências da Educação, quando desenvolvi juntamente com as educadoras da pesquisa um Colóquio da Matemática.

    ResponderExcluir