sábado, 17 de janeiro de 2009

EM SILÊNCIO.....

EM SILÊNCIO....
Em silêncio eu grito....
Tentando te falar,
Do o amor que necessita
E que tenho muito para lhe dar.

Se o cosmo nos juntou
Foi de maneira cruel.
Me brindou com um doce amor...
Solitário porem cheio de calor..
Que suplanta toda a dor


Estava escrito nas estrelas,
Que eu seria a sorteada
Para viver como encantada,
Num falso mundo enamorada.


Este amor vem perpetuando
Construído solitário em corpo e alma,
Ele é puro e apaixonado.
Por isso me dá calma!

Do tempo não tenho noção,
Pois num espaço diferente
Me leva a você pelo coração,
Atrapalhando a vida da gente.

Porque preocupação?
Com um amor encantado,
Que já nasceu sem ação
Sem futuro, presente e passado.
Do grande movimento é paixão
Já que mexe na emoção
Pra coloca o amor no coração!
E essa.... maliciosa me deixa
Sempre sem compaixão
Com a dor solitária da razão.

Já conheço o esse caminho,
Já viajei pelo universo
Foi lá que fiz o meu ninho,
Onde há o amor em prosa e verso.
Onde encontro solitária
Remédio alivio pra uma dor
Que é só minha!

Nenhum comentário:

Postar um comentário