quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

Declaração Universal dos Direitos da Criança


De maneira lúdica, bem-humorada e utilizando a sonoridade das palavras e o ritmo da linguagem, a autora utiliza a Declaração Universal dos Direitos da Criança, proclamados pela ONU, e acrescenta outros direitos não menos importantes.
.....Você também não concorda que "criança tem o direito de botar meia no pé só pra esconder o chulé"?
Assim, fica decretado que toda criança tem direito de ser criança, de fazer o não convencional, de viver a infância de forma leve e solta.
E quais são os direitos dos pais? Correr atrás dos filhos, tentando resgatar a criança travessa que deveria continuar existindo em todo o coração adulto.

As ilustrações do livro são de Ana Terra

Nenhum comentário:

Postar um comentário