sábado, 14 de fevereiro de 2009

As dinâmicas a seguir podem ser sugeridas aos professores para serem realizadas nos primeiros dias de aula afim de apresentar a escola aos alunos, aproximar colegas de classe e contribuir para que todos se sintam acolhidos dentro do novo grupo.

Primeiro dia de aula. A turma toda está na expectativa para saber quem será sua professora. Muitos alunos nunca se viram ou mal se conhecem. Para formar um grupo unido, bem relacionado e em sitonia com você, esqueça a velha tática de dar bom dia, fazer as apresentações e entrar no conteúdo. A aprendizagem está diretamente ligada à qualidade dos vínculos que a criança estabelece com os colegas e com o professor. A integração logo nos primeiros dias de aula traz a confiança e o bem-estar necessários aos estudantes. É importante também apresentar à classe os funcionários, dizer o que cada um faz e a quem pedir ajuda em situações diversas.
EDUCAÇÃO INFANTIL

1. COMO É MEU COLEGA -
Diga à classe que todos vão ganhar um retrato. Pregue na parede uma folha de papel kraft da altura da criança. Posicione o aluno de modo que fique encostado na folha e, com um lápis, desenhe o contorno do corpo dele. Estimule a turma a dizer como é o cabelo, o rosto, se usa óculos, etc. Durante a atividade, repita muitas vezes o nome do aluno, para que os colegas memorizem. Faça o retrato de todos. Por fim, peça a um colega que desenhe o seu contorno, repetindo o processo de observação, para que as crianças também se familiarizem com você. Pendure os desenhos na parede e elogie o grupo. Nos dias seguintes, logo na entrada, pergunte à classe quem é cada um dos colegas desenhados e se ele está presente. Se estiver, ganha uma salva de palmas. Deixe os papéis expostos por algum tempo. É importante para que os pequeninos que suas produções permaneçam ali até eles se sentirem pertencentes ao grupo e ao ambiente.

2. OS MATERIAIS QUE VAMOS USAR -
Esconda na sala sacos ou embrulhos contendo materiais diversos que farão parte do cotidiano da meninada. Pode ser, por exemplo, livros, jogos, pincel, tesoura e outros tipos. Peça às crianças que procurem, em duplas, pelos objetos. Isso já estimula a cooperação entre elas. Oriente a busca dizendo quente, se o que procuram está perto, morno, se está a um distância média, ou frio, quando estiver longe. Depois que todos os pacotes forem encontrados, pergunte que atividades podem ser feitas com os materiais e aproveite para explicar melhor a função de cada um. Mostre como e onde eles ficarão guardados, chamando a atenção para a importância de manter o ambiente de trabalho sempre bem organizado.

3. MEU NOME É...
- Faça crachás com o nome das crianças e coloque no chão da sala, no meio de uma roda. Peça que cada uma identifique seu nome. Incentive o reconhecimento das letras iniciais, conte quantas letras compõem cada nome e faça com que elas percebam letras iguais em nomes diferentes. Quando todas já estiverem com crachá, comece um gostoso bate-papo sobre as preferências de cada um quanto a um tema predeterminado(como alimentos, brincadeiras, objetos ou lugares). Agrupe as crianças de acordo com as afinidades. Na etapa seguinte, peça aos alunos que desenhem aquilo que gostam em uma folha e coloquem o nome. Quem não souber escrever sozinho pode copiar do crachá. Depois de prontos, os desenhos são mostrados aos colegas e, em seguida, expostos no mural. Com os alfabetizados, a dinâmica é a mesma, mas além de desenhar, eles podem fazer uma lista de suas preferências.

Nenhum comentário:

Postar um comentário